Zabumba – a batida forte do forró


Quem é que nunca escutou o forró e não se impressionou com a batida forte e marcante da zabumba?

Pois é. Esse instrumento de percussão difundido por Luiz Gonzaga no trio de forró é essencial na marcação do ritmo. Um instrumento aparentemente simples, um tambor de madeira, com aros de madeira ou metal usados para esticar as peles, de médias e grandes dimensões e sonoridade grave, sendo tocado ou percutido por varetas, macetas ou baquetas.

O som da zabumba é característico de todos os ritmos nordestinos do gênero forró, sendo os principais o baião, xaxado e xote. É também usado no ritmo nordestino conhecido como coco. Com seu som grave marca o tempo forte da música. Marca também o contratempo devido à sua vareta chamada bacalhau, que bate na pele inferior. O som grave funciona como uma espécie de bumbo de bateria, enquanto trabalha o bacalhau, que é uma espécie de caixa. Sua pele pode ser de couro ou de nylon, sendo que este não apresenta problemas com as afinações provocadas por temperaturas climáticas.

O vídeo a seguir mostra um pouco da sonoridade e segredos desse maravilhoso instrumento tipicamente brasileiro.


http://www.youtube.com/watch?v=rPVhMyw3Xys

Sobre o autor

Cris. Cristiano Luiz Pereira Cardoso. Forrozeiro e Publicitário Orkut: http://www.orkut.com.br/Main#Profile?uid=1923305230539872104 Msn: crisforrozeiro@gmail.com Telefone: 32 - 9115 - 9391

Comente você também